Quem passou por aqui

quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Asas

Minhas asas
são folhas,
não de papel
(que é tronco),
das copas.

Certo tempo,
caem
todas elas
e me sinto nu.

Quando voltam,
com seiva,
voo alto
e caio.

Todas as asas
deveriam ser
de folhas
(qualquer tipo)
ao vento.

Luiz Augusto Rocha

Nenhum comentário: