Quem passou por aqui

sábado, 6 de abril de 2013

Gente-terra

Terra batida, pisada,
agredida, arrasada.
Terra pobre, preta,
fodida, ensanguentada.

Terra que pede água,
que se plante o arroz e feijão.
Terra que só tem a si
e uma esperança infindável.

Terra de que fazemos parte
sem darmos conta disso.
Terra que carrega sonhos
para além dos mesquinhos.

Terra que gera vida,
apesar de tudo!


Luiz Augusto Rocha

Nenhum comentário: